30-03-12

O Adolf Hitler artista



Hitler arte 1

Você sabia que o nome mais polêmico da política mundial queria ser pintor?

Adolf Hitler. Não é necessário perguntar o que vem a sua mente quando este nome é mencionado. Mas o que pouca gente sabe é que Hitler teve uma infância na qual planejava ser um pintor bem sucedido.

Um resumo da história

Adolf Hitler perdeu seus pais quando tinha 19 anos, em 1907. Nesta época, mudou-se para um abrigo de órfãos em Viena, onde tinha um enorme desejo de ser aceito pela Academia de Artes local. Foi reprovado duas vezes pela instituição, que recomendou que ele fosse estudar arquitetura.

Richard Westwood-Brookes, da Mullocks Leilões (que leiloou em 2010 algumas unidades de quadros pintados por Hitler) deu a sua opinião ao Telegraph sobre o talento de Adolf como pintor:

“Ele simplesmente não era bom o suficiente. Principalmente quando desenhava pessoas, a perspectiva era incorreta…
Os investigadores acreditam que, porque foi rejeitado, pode ter transformado a frustração em profundo ressentimento e ter se tornado o monstro que se tornou.”

Sendo assim, Hitler começou a batalhar por uma grana pintando paisagens e copiando as artes dos cartões postais para vender nas ruas, principalmente a turistas. Ganhava mais desse modo do que como um empregado fixo de alguma empresa, estilo de vida que ele se recusava a aceitar como opção.

Neste período de sua juventude em Viena e também em Munique, alimentou ideias marxistas e anti-semitas até que, em 1914 alistou-se na Primeira Guerra Mundial, atuando como mensageiro, posição perigosa na qual obteve destaque. A partir de então, Adolf Hitler passou a se envolver completamente na carreira militar e política até que chegou ao status que todos conhecemos, de polêmico Führer alemão.

As obras

Pouca gente tem conhecimento sobre o lado “sensível” de Hitler durante seus anos como pintor amador, até porque os livros escolares quase não falam sobre isso. Mas é válido vermos as obras do homem que em pouco anos viria a se tornar o maior representante do extermínio de judeus e povos considerados inferiores à raça pura ariana.

Confira algumas de suas telas a óleo e pinturas com aquarela:

hitler pintura

hitler pintura

hitler pintura

hitler pintura

hitler pintura

Hitler

Ah, o quadro em destaque no post é de 1913, óleo sobre tela, sob o título “Mutter Maria“. E, por mais contraditório que pareça, foi sim, pintado pelo líder ditador.

 




  • http://www.facebook.com/michelsalviano Michel Salviano

    porque contraditório? não achei

  • Aline

    Devia era ter bombado horrores nesse mundo das artes, pra nem ter tempo de fazer o tanto de maldade que fez. Isso sim.
    Eu compraria o último quadro,rsrs.

  • Juca

    Era um Genio!!!

  • lucas

    Não sei porque dão mais atenção as atrocidades que Hitler cometeu do que as de Stalin. O número de pessoas mortas pelo nazismo não é nem a METADE dos que morreram nos regimes comunistas.

  • http://www.facebook.com/valeria.valente.9277 Valéria Valente

    Claro que sim, HITLER foi um grande artista dos horrores, isto porque a ideologia nazista também canalizou seu ódio em mulheres ciganas, soviéticas, polonesas, e portadoras de deficiências que viviam institucionalizadas. Durante as deportações, as mulheres grávidas e as mães com crianças de colo eram sistematicamente classificadas como “incapacitadas para o trabalho”, sendo prontamente enviadas para os centros-de-extermínio, onde os oficiais geralmente as incluíam nas primeiras fileiras de prisioneiros a serem enviados para as CÂMARAS DE GÁS. HITLER pintou com sangue humano os rios e campos de concentração nos guetos nazistas, na Alemanha. Esculpiu cadáveres humanos de criança, jovens e idosos: esqueléticos e deformados – vítimas da fome, da miséria, da dor da perseguição, vítimas de atos de sadismos nos holocaustos. Nos guetos e campos de concentração as autoridades alemãs colocavam as mulheres para trabalhar sob tais condições que não raro elas morriam enquanto executavam suas tarefas. As judias e ciganas eram sadicamente usadas pelos “médicos” e pesquisadores alemães como cobaias em experimentos de esterilização, e outras “pesquisas” cruéis e antiéticas. Nos campos e nos guetos as mulheres eram particularmente vulneráveis a espancamentos e estupros. As judias grávidas tentavam esconder a gravidez para não serem forçadas a abortar. As mulheres deportadas da Polônia e da União Soviética para fazerem trabalhos forçados eram sistematicamente espancadas, estupradas, ou forçadas a manter relações sexuais com alemães em troca de comida e outras necessidades básicas. Muitas vezes, as relações sexuais eram forçadas entre as trabalhadoras escravas oriundas da Iugoslávia. Ao todo, Milhões de mulheres foram perseguidas e assassinadas durante o Holocausto. No entanto, para todos os efeitos, foi o enquadramento na hierarquia racista do nazismo ou a postura religiosa ou política dessas mulheres que as tornaram alvos, e não o seu sexo.

    Ainda assim, existem pessoas que tentam pintar esse monstro, com quadro de ANJO BONDOSO. QUANDO NA VERDADE, ERA O ANJO DA MORTE

  • http://www.facebook.com/profdanilo Danilo Fernandes de Camargo

    Não vi nada de contraditório na imagem, afinal Hitler era cristão e a Igreja Católica na época foi conivente com seus atos!

  • Pingback: Quem pintou essas obras? Aposto que você não sabe | Além do look do dia

  • http://www.facebook.com/jack.corleone.927 Jack Corleone

    Hitler só fez o que fez porque tinha o apoio de todos. Se não ele seria só mais um maluco na rua. Não digo que ele estava certo, mas colocar tudo nas costas dele também não é justo.