-->

26-03-15

O primeiro comercial do OK GO é chinês (e cheio de truques visuais)

okgo-china-4

Até pra fazer comercial essa banda consegue brincar com nossos olhos.

Se você é designer ou trabalha com comunicação visual, provavelmente conhece a banda OK GO. Talvez você nem seja fã das músicas dos caras, mas uma coisa é certa: os clipes são demais, sempre brincando com ângulos e formas, com uma combinação incrível de cores. Até o mais “simples” dos vídeo clipes trabalha com cores complementares e análogas de um jeito admirável. Veja só.

Pois bem. Até então, o OK GO vem nos surpreendendo com suas produções próprias que, logicamente, contavam com parceria de marcas famosas, como Chevrolet, Google ou Samsung, Mas ninguém ainda tinha visto a carinha deles vinculada à nenhuma publicidade tradicional.

Até agora.

Uma marca chinesa de móveis e decoração para casa, Red Star Macalline (algo similar à Tok&Stok, Etna ou IKEA) utilizou os rapazes como porta vozes de um comercial de quase 2 minutos no Youtube. As ilusões de óptica utilizadas remetem ao clipe “The writing`s on the wall”, enquanto a música utilizada é a “I won`t let you down”. Um mix autoral de ideias.

Assista o vídeo de “the writing`s on the wall”:

Clipe de “I won`t let you down”:

Entre ilusões e truques de câmera, os músicos cantam (e falam chinês!) interagindo com os móveis da marca.

Veja o resultado.

okgo-china1

okgo-china2

O que você achou? Muito parecido com o clipe? Uma sacada boa da marca?

Deixe seu comentário.

 

 



  • Raq

    Ok Go TOP… Só um detalhe: na verdade, eles já haviam feito oficialmente um comercial para uma marca tradicional, sim. O clipe Needing/Getting foi feito para uma campanha para a Sonic, uma marca de carro. https://www.youtube.com/watch?v=MejbOFk7H6c
    Beijão 😀

  • Oi! No post a gente cita que eles já fizeram vários clipes patrocinados por marcas, como Chevrolet e afins, mas com fins de produção própria, lançamentos de singles etc. Por exemplo, o vídeo “Last Leaf” foi produzido com fotos de um Samsung NX. Mas ainda não tinha visto um comercial “tradicional”, com citação de marca e adaptação de música só pra isso. Mas muito bem lembrado. O clipe tb é demais. 🙂 Obrigada!